Quem sou eu

Minha foto
Yogini por Amor + instrutora por dedicação + massoterapeuta por vocação + caminhando com samtosha e exercitando compaixão.

domingo, 12 de março de 2017

PURUSHARTAS
As quatro buscas principais da vida humana:
1- busca pela segurança
2-busca pelo prazer
3-busca pelo que e correto
4-busca pela libertação


https://www.youtube.com/watch?v=kxMzs7jWdoM&feature=youtu.be
As vezes me perguntam porque pratico Yoga😳. Vou te dar alguns exemplos da minha ultima semana e então, vc mesmo tira suas conclusões.
Tive problemas com transferencias bancárias na semana passada😖.O site dizia que eu deveria ligar para o fone fácil bradesco.📞☎️😈👻
Gente, e de arrepiar ou não? 
🎃👺👹Quando você ouve 'fácil', vc ja imagina a pior coisa do universo, pq e claro que quem inventou o nome desse fone fácil foi um publicitário com a intenção de nos fazer acreditar na propaganda.☠️
Banco e facil na mesma frase, combina?
So se vc for inocentao.
Eu dizia: - transferencia.. 
A maquina perguntava:-entre bancos bradesco ou outros bancos? 👽
Eu: outros bancos
Maquina: desculpe, nao entendi 👽(educadinha)
Eu:outros bancos
Ela:desculpe, nao entendi, pode repetir?(aqui, veja que ja travamos uma relação, era ela e eu, não a maquina e eu)👽👽
Depois de mais umas 5 repetições, optei por pedir ajuda.
Solicitei falar com um atendente.👩🏻‍💻
Ela me mandou pra um atendente de investimentos.
Claro!🤢
Dai, cansei.🙄
Fui pessoalmente ao banco.💩
Apresentei o problema. 💩Quero so voltar a fazer transferencias pela internet. 💩
Minha gerente foi ter bebe.👶🏼
Constituir familia. 
Licença maternidade. Legal pra ela.
A gerente que ficou no lugar dela, estava almoçando. 🍝🥘🥙🌮Almoço de gerente e demorado, ja perceberam?😴
Legal pra ela. 
Eu estava com muita fome, la no banco, sentada num banco duro, esperando.
Eis que surge uma pessoa que diz, vou te ajudar. 🙏🏽Aleluia. 😃
Ela pega meu cartão e diz que estou com o cartão errado, essas coisas de segmento bancário. 🤢Nem ligo, não sei o que e isso. So quero poder voltar a transferir dinheiro para quem eu devo, sentada no meu sofá. Da?🤓
Ela pergunta: -vamos solicitar um novo cartão?
Eu: temos que fazer isso?😒
Ela: Sim. 
Eu: uhhuumm😞
Ela começa a escrever num papel e de repente, chega uma outra atendente que diz: - deixe que eu continuo isso para você e ela vai atender aquela senhora. 
Eu: uhhuummm😣
Pega a ficha, começa tec, tec, no teclado do computador.
Dai me diz: digita sua nova senha.
Eu: Pode ser a mesma do antigo cartão? Ou não seria melhor definir a senha quando receber o cartão?
Ela: Nao... vc nao solicitou o cancelamento do seu cartão?
Eu: Nao..
Ela:..... cancelei seu cartão..entendi que era para cancelar..
Eu: e quando e que eu vou conseguir fazer a transferencia sentada no sofá?
Ela: nao sou eu que resolvo isso.
Eu: uhhuummm...😖
Sai do banco sem cartão, sem dinheiro, sem pagar as contas.
Aahh, mas o cartão chega rapidinho...Ouvi isso..
Uhhuummm🤡🤡
Kshama e a paciencia, que eu não tenho, mas preciso adquirir.
Treino vem com oportunidade.
As maquinas, eu entendo. 
Elas tem uma programação. Respondem da mesma forma para qualquer situação. 
Pessoas tem escolhas. 
E escolhem ser como as maquinas.
-Quero ser sua amiga.
-Qual seu interesse?😒
-Ser amiga.
-Para que?😏
-Gosto de voce.😍
-Porque? Nao entendi. Pode repetir?
Estão tao concentradas na sua programação, que qualquer mudança da pane no sistema.
As pessoas conversam para ouvirem a si mesmas falando sobre si mesmas. (alguém ja disse isso)
Uma vez vi o Swami Dayananda dizendo que somos parcialmente dharmicos. Exijo que os outros tenham certas atitudes que julgo corretas com relação a mim, mas não devolvo aos outros a mesma atitude que exijo.
Qualquer um, que estiver fazendo seu trabalho, se colocando no lugar de quem esta sendo atendido, tera exito.
Qualquer pessoa que esteja numa relação, qualquer que seja, que enxergar alem de si mesmo e ouvir sem o filtro da sua cultura, conceitos e pre-conceitos, tem grande chance de se dar bem.
Como sempre digo, somos totalmente responsáveis pelo que falamos, não pelo que interpretam do que falamos. (alguém também disse isso)
Precisa dizer pra que Yoga?

terça-feira, 24 de setembro de 2013

Sobre novelas e afins

No ultimo sábado, presenciei a discussão de um casal.
Estava sentada num banco da praia, lendo meu livro e, de repente, vejo a cena, começando com olhos de censura, testa enrugada, movimentos de negação com a cabeça, gestos e movimentos que indicam irritação.
Ela, sentada numa canga na areia, abraçou as pernas, parecendo que queria se proteger, ou se fechar perante aquela situação. Ele, sentado ao lado dela, aproximava o rosto ao dela, com a intenção de ser discreto, talvez, mas todo seu corpo estava tenso, contraído, traindo sua discrição.

Eu nao podia ouvir as vozes, so ver as expressões corporais. Poderia ser discreta e nao manter ali minha atenção, mas se tivesse feito isso, nao teria material para escrever agora. Me sinto uma observadora da natureza humana, ou melhor, uma curiosa compulsiva.
Nao faço ideia do motivo do desentendimento e nem me importo. O que me importo e com o desentendimento em si, nao o motivo.
Vamos voltar a cena. Dia de sol, mar calmo, um casal sentado na areia, parece perfeito, nao e? O que pode ser tao urgente, ou tao serio a ponto de fazer alguém se irritar tanto e gerar uma discussão?
O fim da 'novela' que eu assistia, (com direito a cena dos próximos capítulos, que iria acontecer em casa, pelo que aquilo indicava), acaba com ele saindo irritado andando e ajeitando a bermuda e ela pegando a canga e andando atras com alguns passos de distancia. Modo segurança ativado. Nem chegue perto senão e possível que haja mais confusão. E olha, que eles podem ter, algumas horas antes, dito palavras de amor eterno um ao outro.

Saio para andar e cruzando a praca da cidade, ouco uma conversa de um rapaz no celular e a frase que marcou o momento, foi que ele estava 'divorciado, graças a Deus'!
O que ele dizia era, 'eliminei o problema da minha vida', e eu me pergunto, sera?
Esse texto nao e so para contar as fofocas do meu sábado, e para trazer uma reflexão.
O que temos que aprender com isso?
Quais sao os nossos momentos em que queremos que o nosso ponto de vista seja o único a ser considerado e aceito como certo?
Sera que nos relacionamos com o outro, ou com como vemos o outro?
Na discordia, o ego existe. Se voce concorda, aceita outro ponto de vista, voce se dissolve no outro.
Manter-se atado as suas ideias e conceitos, sem abrir espaço para ouvir e compreender faz com que se torne absolutamente impossível conviver.

A questão fundamental e como nos relacionamos, com nos e com o mundo.
Normalmente temos uma lista de expectativas daquilo que queremos e nao fazemos por nos mesmos o que deveríamos para alcançar os objetivos ( as vezes totalmente irreais) desta lista e, alem de tudo, esperamos que alguém nos de aquilo que nem nos sabemos exatamente o que e.
Ufff complicado,ne?
Dai, e claro que o que acontece e discussão, desentendimento e frustração.
Talvez fosse mais fácil se antes de se relacionar, fosse possível se 'bastar'. Ser feliz por ser quem se e, como e, nao esperar que exista alguém que curta você em todas as suas nuances.
Talvez fosse mais interessante estar sentada/o na canga na areia da praia sozinha/o curtindo um dia de sol, ou ainda, lembrar daquele velho ditado, quando um nao quer, dois nao brigam. Você pode escolher em que lutas entrar e tenho certeza que tem causas muito mais interessantes para se engajar.

Nao quero dizer aqui que temos que aceitar tudo com resignação, longe disso. O que estou propondo e que voce acorde para uma outra possibilidade nas suas relações. E possível que essa possibilidade que aponto seja de mais respeito, de menos violência e de maior tranquilidade.
A proposta aqui e, que mais importante do que virar de ponta cabeça num sirshasana, e poder virar de cabeça  para baixo as convenções  das relações. Pare de perpetuar a novela mexicana, olhe para o que vale a pena e curta mais a vida e menos o drama. Pare de contar com o entendimento do mundo se nem voce se entende. Celebre mais o amor e menos aquilo que voce gostaria que fosse. Se nao ta bom, sai fora! Vai viver! De verdade! De meia boca já bastam os nosso políticos, o nosso sistema. Realize e acorda para a vida. Aaahh e aproveita e jogue fora a lista. Aquela, das expectativas!



quinta-feira, 20 de junho de 2013

Noites escuras

Fato confirmado e atestado desde a epoca de Buda e muito antes dele tambem, e que todos nos sofremos.
De causas reais, causas criadas, inventadas, procuradas ou achadas, sofremos.
Por mais belo o sorriso na foto, cada um tem sua dor e a pior delas e achar que existe alguem que esteja em melhor condição que a nossa.
Sempre existe a comparação com uma epoca mais feliz, com a pessoa ao seu lado que parece melhor que você, consequentemente: sofrimento.
A verdade e que estamos todos nos na mesma situacao, uns um pouco mais confortaveis outros menos, mas todos na lama. Os que estao mais confortaveis, a lama esta na cintura mais ou menos, os outros, quase no queixo.
Todos ja devem ter ouvido a frase famosa, que e no lodo que nasce o mais belo lotus.
Voce sabe em que lodo anda mergulhado? Pois esta situacao viscosa, lamacenta e muito rica em fertilidade, em possibilidade de transcendência.
Cresci ouvindo da minha mae que quem nao aprende por amor, aprende pela dor.
Sempre achei essa frase muito triste, porque e bem mais legal aprender pelo bem. Mas, ouvindo muitas historias de vida, que tenho a honra de presenciar, percebo que a dor e o melhor remédio.
Deveríamos, ao invés de desejar aos outros tenha um bom dia, poderíamos usar: "Tenha um péssimo dia, que tudo de terrível aconteça com você e, assim, aprendera de uma vez por todas a se livrar daquilo que te amarra, incomoda, entao, sua vida vai ficar mais leve o quanto antes...Passar bem, ou melhor, passe mal"
Nas noites mais escuras e que voce percebe o tamanho da sua luz, o quanto ela brilha e quais caminhos ilumina.
No Vedanta, usamos dois termos para dizer quando você tem mérito ou a falta dele, Punya e Papa. Costumamos associar o demérito, claro, as coisas negativas que fizemos, e que hoje nos acarretam algum problema, nos provocam algum mal. Algo como o Karma e o bad Karma.
 Muitas pessoas associam o mérito a ter uma vida maravilhosa. Levando em consideração que nascemos no Brasil, um pais que nao tem guerra, nem furacoes, tsunamis, etc..podemos nos considerar dotados de Punya. Se nascemos perfeitos e saudáveis, se temos habilidades para se desenvolver plenamente, somos dotados de Punya. Viemos com facilidades. Mas, e claro, que uma coisa nao existe sem o seu oposto, viemos também com uma bagagem de Papa. Aquelas dificuldades que so nos sabemos, aquela coisinha que pega pesado e nos mostra nossas limitações. E que se, nao sao trabalhadas corretamente, serão repetidas constantemente ate que sejam transcendidas.
Quem deseja se deparar com sua limitação e dificuldade sempre?
Entao, peca para a vida te apresentar logo e rápido todas as suas oportunidades de crescimento.
E, sabemos, que elas estão ali no nosso nariz.
So precisamos mudar a maneira de olhar.

Todos sabem que estive ausente das salas de aula por um tempo, me recuperando de uma cirurgia e passando por alguns tratamentos. Durante este período, ouvi muitas opiniões, conselhos, amigos que traziam orações, palavras de forca, etc..
Passando por esse tsunami emocional e fisico, vi as pessoas e amigos ao meu redor, vivenciando algo muito semelhante ao que eu vivia. A minha condição atingia a eles. Cada um fazendo seu exercício de fe, entrega, confiança e muitas vezes falhando. Cada um aprendendo com o momento e como viver sua dor. Uma situação assim, de dificuldade, chacoalha todos ao seu redor. E você, lidando com sua "noite escura" e os que estão ao seu lado também.
Cada um com sua dificuldade tentando superar os obstáculos da sua própria limitação. Ao mesmo tempo, essa mesma situação que envolve varias pessoas, se uma delas estiver plenamente consciente das 'razoes' do Universo, todas sao beneficiadas.
Fato e, que vivo numa época em que existe chances de cura e tratamentos, precisa mais Punya que isso?
Dependendo do ponto de vista,  'me sobra' Papa, pois esta nao e a primeira vez que passo por isso. Mas, compreenda, eu passo por isso. "Isso" passa por mim. "Isso" nao sou eu. Resgato "disso" um aprendizado maior. Muito Punya por ser praticante de Yoga.
Acho que, como um jogo de tabuleiro, um Punya elimina um Papa. Vou lançar algumas campanhas: Rumo ao 1 milhão de Punyas!
Rumo a um mundo sem drama e fantasia!
Que a vida te apresente todas as oportunidades para seu desenvolvimento pleno. Aqui e Agora!
_/\_
 



segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Saude, ciencia e sabedoria.

Carboidrato e bom a noite. Reviravolta na ciencia: e nesse horário que ele da saciedade e ajuda você a emagrecer.
Esta e a capa da revista saúde e vital deste mês.

Informação e sempre muito bem vinda, mas pegando uma pequena coleção que tenho deste revista, descobri que uma capa contradiz a outra. Ou seja, as vezes a grande descoberta da vez e você deve comer carboidratos, daqui uns três meses, isso tudo muda e entaoo pobre carboidrato sera o veneno da humanidade.

As vezes, você pode tomar cafe, outras ele se torna o maior dos viloes da face da terra, coisa que nem Batmam pode dar jeito. A ciência tem o poder de enlouquecer qualquer cidadão.
E os milagres, entao?

Se você ingerir uma maca por dia,sera uma pessoa que estara livre de câncer, de problemas cardíacos, de envelhecimento precoce. Você ja parou para refletir sobre o que você deve fazer para se feliz, saudável, livre de qualquer doença?
Segundo a ciência existe um numero certo de litros de água, de frutas e vegetais, de proteínas e vitaminas, de carboidratos e fibras, etc..Sendo assim, nossa vida se resume a cuidar somente do que ingerimos, para evitar assim, morrer...E bastante lógico!


Se você comer macas, sera alguém que simplesmente come macas porque gosta, ou sera Highlander?. Pensando bem, nao ha garantias. Nao ha vida eterna embutida numa maca ou na uva.
Voce que comeu, ou que ficou boa parte do seu tempo pensando onde encontrar proteínas para se comer a noite, nao se sente indignado?
Agora, pode ser feliz e comer macarrão!


Observo meus alunos perdendo mais tempo pensando em que fazer para comer do que praticando. Sinto um imenso pesar de perceber que algumas preocupações superam a vontade de libertar-se.
Precisamos refletir sobre o significado do bom senso.

O bom senso nada mais e do que a capacidade de sentir/perceber/raciocinar/afirmar uma realidade. Quando os nossos sentidos falham, porque andam entorpecidos ou excessivamente estimulados, nos falta o senso de direção/julgamento correto, nos tornamos sem senso, sem sentido.


No mundo das terapias alternativas, do Yoga e das tradições orientais nao faltam técnicas e ferramentas para ajudar o homem a resgatar essa qualidade.

Dieta, exercícios, respiração, meditação, descanso e contato constante com a natureza sao algumas das mais importantes para que possamos trazer de volta a sanidade.

Dieta, sim, eu citei dieta. Qual? A da lua, do sol, das estrelas ou da banana da terra? Que tal aquela que te faz bem? Que so você sabe o que e?

Sou a favor do veganismo,isso e claro! Vegetarianismo também e tudo de bom. Mas para decidir o que serve para cada organismo, somente usando a inteligência, que nao falta a ninguém. O corpo e muito espertinho, mostra perfeitamente aquilo que entra leve, que entra pesado, que demora para digerir, e aquilo que passa suave. Olhe, observe atentamente. E pode perceber que nem  precisa tanto assim daquilo que achava. Conheço ate, quem se livrou de vez da necessidade de comer.

Para isso voce precisa do resto. Tudo aquilo que citei depois da dieta: cuidado com o corpo, que e para se tornar intimo, amigo e responsável pelo bem estar dessa estrutura.

Para isso, os orientais foram fenomenais. Yoga, Tai-chi-chuan, Karate, Kung-fu, tudo para cuidar do corpo e da energia chi, ki ou prana.

Respiração: ponto novamente para os orientais. Sacaram que a respiração interfere na mente. Mente clara respiração calma. Respiração calma, mente limpa. Simples, nao e?

Meditação: capacidade de refletir adequadamente.
Passamos pela etapa da reflexão atenta da vida, pelo reconhecimento do que faz, como age e como você funciona. Conseqüência de meditar e auto-conhecimento, razao pela qual nao esta tao na moda assim, ouco mais pessoas falando a respeito disso que silenciando para perceber seus efeitos.

Descanso, essa parte merece atencao. Para muitos, descansar e deitar-se no sofa e ver TV. O descanso correto e sua capacidade de relaxar,  alheio a qualquer movimento, som, e deixar-se e entregar-se de verdade por alguns minutos para fazer NADA. Pergunte ao seu gato, ou aprenda com o Garfield.

E contato com a natureza nem precisa de comentarios. Contato constante com a natureza e com a solitude, apreciar o silencio, a ausência de pessoas e aproveitar ficar em ótima companhia,você mesmo.

Tudo isso nos conecta novamente com os sentidos e alimenta nossa capacidade de discernir entre aquilo que serve e o que nao serve.

Se voce optar por deixar-se guiar pela ciencia, ou por qualquer coisa fora de você, estara fadado a se confundir, a deixar de usar aqueles acessórios que vieram de fabrica e que servem para estas necessidades físicas.

O que costumo dizer aos amigos e alunos e pare de confiar tanto no que anda por fora e confie mais na sua capacidade e sabedoria.

Deixe de lado os sabios conselhos do mundo e confie no sábio que vive em você. E se você julga este texto como mais um conselho, peco que nao acredite em mim.

Seja curioso o suficiente para testar e obter os resultados da sua própria experiência. O cientista e o experimento sao os mesmos.
Libere o alquimista que vive em voce e descubra o elixir da longa vida.
Mas nao se iluda.
Tome doses diárias de bom senso para enxergar a Realidade como ela se apresenta!
Harih Om